Relacionamento sério de verdade

Não é de hoje que eu sei mais do que ninguém que eu não sei mais viver sem o seu afago, seu sorriso, seu olhar, seu jeito… Seu tudo! Mas o melhor desse tudo é quando você vira na minha direção, me olha nos olhos e me solta um sorriso perfeito e único. É maravilhoso! E chamo esse seu sorriso de “Sorriso pra mim”, pois já reparei que ele só aparece quando você me olha. Já te vi sorrir, rir e gargalhar de tudo e ele nunca apareceu… “Sorriso pra mim”. E é completamente diferente do que já me disseram. Não é comodidade. As pessoas tem essa mania de que no fundo, o que fica é a comodidade… Que você estava acostumada a ter aquela pessoa por perto e sente falta disso. Bah! Eles não têm ideia do quanto isso banaliza o amor. Não é todo mundo que tem essa sorte: Perder alguém que ama e depois de dois, três ou mais anos, já está vivendo tranquilamente com isso a ponto de se ver a pessoa do outro lado da rua e agir normalmente ou como se nunca tivesse visto aquela pessoa na vida… Ou fazer de tudo pra que ela tenha certeza que seu coração está limpo e sem nenhum vestígio da droga que ela sempre lhe dava para experimentar… Amor.

Você me ensinou a ler o que meus olhos não podem ver, a ouvir o que não dá pra escutar e entender que por mais que o futuro às vezes não seja como planejamos, não deixa de ser futuro e não significa que não vá ser melhor. Por mais que durante o presente a gente vá vendo mais e mais coisas se perder, o passado se acumulando de coisas perdidas… O futuro pode trazer algo que vá fazer tudo ganhar um novo sentido. E com certeza as coisas perdidas e acumuladas no passado terão grande utilidade. Já é assim. Não sou religiosa o suficiente pra dizer que está tudo nas mãos de Deus e que ele escreve por linhas tortas. Não tem como saber se está mesmo dando uma atenção especial pra essas linhas tortas, então, quero mesmo é fazer a minha parte. E por mais que eu já quase tenha deixado você se tornar mais uma coisa perdida pra acumular no passado. Mas eu amadureci… Você me amadureceu muito mais… E se tiver que ser assim, não vai ser por mim. E também espero que não seja por você, pois, às vezes eu sinto que vem tanta coisa boa por aí pra nós dois… Sei que já vieram tantas, mas, para pra pensar… Já imaginou as que podem vir? A gente já ganhou mais do que perdeu.

Sei que nos tempos de hoje tudo isso pode parecer ilusão, eu pensava assim. Antes de te conhecer, eu pensava que já tinha amado e que sabia o que era amor. Também tinha a desgostosa sensação de que ele só acontece, de verdade, com os outros. Mas agora eu tenho plena ciência do quanto é realidade e o que ele nos faz sentir. Não é aquele mel o tempo inteiro, vira-mexe fica salgado só pra gente cair em dúvidas… É isso mesmo que eu quero? Está começando a dar errado. Mas é exatamente assim. Se for só doce e bom o tempo inteiro, com certeza perde a graça. É um ciclo… Depois do doce vem o salgado, depois do salgado vem o doce… Depois da água vem o álcool, depois do álcool vem a água. E por aí vai… Então, o que quero dizer com isso tudo é que você pode ter certeza estou pronta e amadurecida pra ter um “relacionamento sério de verdade” (como você diz) com você. Confesso que antigamente quando você dizia isso, eu pensava que você estava falando em casamento, noivado… E falando nisso, uma vez quase te pedi em noivado, lembra? Pensei que isso solucionaria aquele problema… Que acabou sendo solucionado de outra forma. Ai, ai… Vou deixar pra ler isso tudo só depois que você me responder uma pergunta. Enfim, estou pronta! Você quer tornar o nosso relacionamento sério em um relacionamento sério de verdade?

Anúncios