Leugim: 05 – Satisfaction! (Parte 2)

Duda e as amigas chegaram as sete em ponto. César correu para abrir o portão enquanto Miguel cortava os pedaços da picanha que já estava no ponto. Duda estaciona seu Palio Adventure Locker cinza perto do carro de César e desce com as amigas. Enquanto vão ao encontro de Miguel, Duda as apresenta:

– César, essas são Helen, Ingrid, Luma e Olívia… Meninas, esse é o César.

– Satisfação, meninas. – diz César cumprimentando uma a uma.

Vamos a elas. Eduarda, vinte e três anos, branca, cabelo liso e ruivo que batia no meio das costas, olhos azuis lente, camisa social feminina quadriculada, bermuda jeans que deixava bem a mostra sua tatuagem na coxa e All Star preto. Helen, vinte e quatro anos, negra, cabelo negro e pranchado que batia um pouco abaixo do ombro, olhos castanhos mel, tomara-que-caia verde, calça jeans clara e sandálias de dedo. Ingrid, vinte e cinco anos, branca, cabelo liso curto e negro, blusa branca com estampas, saia rodada multicolor e Havainas. Luma, vinte e três anos, morena, cabelo negro e ondulado que batia um pouco abaixo do ombro, olhos verdes, vestido curto e sandálias roxas. Por fim, Olívia, vinte e dois anos, branca, cabelo liso e loiro na altura do ombro, camisa social feminina, calça jeans escura e sandália rasteira.

Chegando onde Miguel se encontrava servindo o churrasco:

– Miguel, essas são Ingrid, Olívia, Helen e Luma… Meninas, esse é o famoso Miguel.

– Porra! Por que ele é sempre o famoso Miguel, e eu sou só o César, caralho? – pergunta indignado.

– César… – Miguel ri da indignação do amigo. – Lembra o que te falei no bar?

– Ah, vai pra porra Miguel!

– Pois bem… – começa a cumprimentar as amigas de Duda. – Satisfação, meninas. Esse famoso aí não existe. – brinca. – Marca seu território só pra eu ficar ligado. – cochicha no ouvido de Eduarda ao cumprimentá-la.

Era o código que tinham para ele identificar com quem ela estava saindo e não correr o risco de uma aproximação na pessoa “errada”. Eduarda pegou a mão de Ingrid:

– Vamos ali trocar de roupa pra curtirmos a piscina. – e pisca para Miguel.

Assim que as duas saem, Miguel foi pegando as long necks na freezer e entregando uma a uma.

– De onde vocês conhecem a maluca da Duda? – puxa assunto.

– Fizemos faculdade juntas. – diz Helen.

– Bacana. Então minha casa está repleta de professorinhas? – brinca.

– Creio que sim. – diz Luma achando graça.

– E moram todas perto uma das outras? – pergunta César.

– Eu moro em São Gonçalo. – diz Olívia. – A Luma e a Ingrid em Niterói, a Helen em Duque de Caxias e a Duda vocês já devem saber.

– Sabemos. – César confirma.

– Se quiserem ficar a vontade pra curtir a piscina, sintam-se em casa. – anuncia Miguel.

– Só a Duda e a Ingrid vão ficar na piscina. – diz Helen. – A Luma está naqueles dias e eu e a Olívia combinamos de fazer companhia a ela e não entrar na piscina.

– Entendi. Bom, mas se mudarem de ideia… – bateu no peito. – Mi casa és su casa.

Continuaram a conversa enquanto bebiam e beliscavam algo, vez ou outra que Miguel colocava na bandeja e César servia. Duda e Ingrid na piscina bebendo e “se curtindo”. Até que em determinado momento, os dois resolveram pular na piscina. Helen, Luma e Olívia sentaram nas cadeiras que estavam na beirada e ao som de Summertime Blues do Eddie Cochran começou a famosa brincadeira “galo de briga”. Miguel carregando Eduarda nos ombros e César carregando Ingrid.

Anúncios